quinta-feira, 3 de novembro de 2016

O TEMPO DAS PALAVRAS

Autor: V I V I A N E   B A R R O S O |

Envie um e-mail para RevistaPrimeiroCapitulo@gmail.com
e receba a edição gratuitamente!
E virá o tempo das palavras sóbrias, inexatas,
intactas, devastadas.
Palavras operárias do confronto.
Do mar em ebulição lançando seus peixes
para fora do azul.
Palavras que caminham 
pelas cidades dos sentidos
de ponta-cabeça,
e, ainda assim, chegam antes 
às vielas do espírito.
Como permanecer alheio
àquelas que dispensam a árvore do conselho
e partem em busca do fruto imperecível?
Quando chegam nas rodas de qualquer fé
os tambores da Verdade silenciam.
E virá o tempo das palavras.
Abram portas e janelas!
Juntem lápis e papel sobre a mesa!
E fujam
para não testemunharem
a poesia devorando o mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário